terça-feira, 28 de julho de 2009

Dica de livro?!

Minha irmã começou a ler "Coisas que toda mulher inteligente deve saber" e me disse o que eu já imaginava: livrinho cheio de clichês. Normal. Tudo que vende muito é recheado do óbvio, mas só porque é o óbvio que as pessoas tanto sabem e nunca fazem, ou conseguem escapar dele.

Dizer que é intolerável ouvir certas coisas da pessoa que supostamente te ama é fácil, quando você está apaixonado por esse alguém e treme na base só de pensar sua vida sem ele, ou ela.
Sustentar uma postura de que a traição só acontece quando a mulher ou o homem deixam de se cuidar é mole, quero ver quando você já tem uma relação de mais de 3 anos e seu companheiro está careca de te ver cheia de espinha enquanto você não consegue perder essa barriga infernal.


Disse minha irmã que já leu inúmeras regras com as quais ela concorda, mas reconhece que se viu concordando e se vendo descumprindo a maior parte delas na sua última relação. Ela me lembrou que a gente só acerta da segunda vez, e que a primeira é só pra aprender mesmo.
Comentei que uma vez ouvi alguém dizer que não é errando que se aprende, e sim com acertos. Não concordei e nunca aprendi nada realmente, até começar a errar. É aquela velha história, a experiência só chega quando aquilo que queremos não chegou.


Ainda não li o livro, mas irmã me disse que vai me emprestar ainda essa semana: segundo ela, é um prato cheio pro meu blog, essa coisa cheia de clichês e contos rotineiros que todo mundo sabe, todo mundo já viu em algum lugar e já passou por isso também. Ou não, e procura acertar com os meus erros. Se eu ligo? Que nada - faça muito bom proveito.

Um comentário:

Camila Juliana disse...

Eu me vi na mesma situação da sua irmã, mas não consegui terminar de ler o livro ainda... Ele fala de umas coisas tão óbvias, que vc pensa: como alguém não sabe disso... Porém, tem outras dicas mto legais, que servem para você abrir o olho! Vale a Dica!!!

Postar um comentário