quinta-feira, 4 de abril de 2013

Pra você


Eu consegui gostar de você até a última gota. Fui te amando até quando não devia e deixando de te amar a cada sentido que perdia, a gente junto. 

Eu gostei de você como nunca tinha gostado de ninguém e fui amando como jamais imaginei conseguir amar de novo.

Eu fui apaixonada o tempo todo, por tudo que você era. Eu implicava, mas amava cada célula de você - pena que nunca pude te fazer acreditar nisso, mesmo tendo tentado tanto.

Te amei sem saber se um dia acabaria e sem desconfiar que o sentimento se transformava. 

Hoje eu vim te dizer que consigo, honestamente, te desejar que seja feliz sem mim - mas só porque eu sou feliz, mesmo sem você.

Sei que é possível sermos amados, mesmo que só no passado: você ficou no meu e te respeito - e te admiro, também.

Mas é só hoje, que me apaixonei de novo, dessa vez por outro alguém.

Um comentário:

Cleiton disse...

Chega um momento que é preciso seguir, cada um, o seu caminho.
Me lembrou uma história que vivi... :-)

Postar um comentário