sexta-feira, 20 de julho de 2007

Meu melhor amigo

Tem quem diga que pro namorado a gente não pode contar tudo, afinal numa relação amorosa o ciúme é um dos ingredientes mais presentes nessa receita. Concordo. Falar de passado também não é aconselhável, então mais um assunto dispensando citações. Novamente concordando, abro uma nova questão: você realmente conta tudo pro seu/sua melhor amigo/a? Pense bem. A mãe dele o controla descaradamente, mas ele gosta e odeia que falem mal dela. Sabendo disso desde o começo da amizade, você vai falar? Não vai. Ela é apaixonada pelo marido, sabe inclusive das escapas dele. Mas não liga, ou finge que não vê. Você bem que tentou, mas ela foi clara: deixa-me na minha decisão. Quem será o amigo chato quem vai lembrá-la disto o tempo todo? Você que não será.

Pronto. Pra melhor amigo a gente conta de quase tudo, porque algumas coisas a gente sabe que ele não gosta. Então, respeitemo-nos. Ele não gosta que falem mal do filho dele, aquele peste incrivelmente irritante. Mas é filho dele, e ele é seu amigo há mais de 20 anos. Enquanto o belo pimentinha não quebrar seu lustre da sala, está tudo bem. Com namorado é assim que acontece, mas da mesma forma que com algumas diferenças, certamente também com muitas vantagens, e começa logo pela convivência. Porque a gente tem dezenas de amigos, pra diversas coisas diferentes. Alguns, pra quase todas as horas. Mas e o namorado? Eu aposto quanto você quiser que ele está contigo mais tempo do que qualquer amigo seu. Só não conta se seu namoro for à distância, de resto eu aposto MESMO.

E convivendo mais tempo contigo, conseqüentemente ele anda aturando seus gritos, ataques de nervos, TPM, estresses, dores de cabeça, barriga, unha do pé. Ele te pega no salão de beleza, na depilação e na faculdade. Te faz companhia do churrasco do vizinho ao velório da sua tia-avó paterna, segurando sua mão e te fazendo rir do cabelo daquela prima ridícula que você detesta no casamento do irmão dela. Ele faz suas amigas gargalharem das piadinhas infames, das quais você ri mesmo namorando séculos (porque você é exagerada). Ajuda sua mãe a carregar os móveis quando ela resolve pintar a sala e leva sua avó de carro pra hidroginástica da terceira idade aos sábados de manhã. Realmente, seu namorado não é seu melhor amigo - ele te ama mais do que um melhor amigo pode amar.

2 comentários:

Barbara Souza disse...

Concordo!
Mas se o namoro um dia termina a amizade não mantém a mesma... A amizade dos somente amigos não acaba tão fácil!
Beijo

Thiago Herculano disse...

Realmente seu namorado é mais que amigo.. pq pra aturar a Nina, só com muito amorrrrrrrrrrrrrrrr
heheheheeheheheh

Cabeção feliz dia do amigo pra tu... te considero uma amiga de fotolog... de telefone e agora até de vida real..hehehe... Já te conheço e se colocou fim a fase só virtual, que é horrivel!!!
=D

E que mesmo longe essa amizade possa crescer... pra que quando eu voltar ela esteja super viva.

Beijão !

Postar um comentário